logo mod2

Um livro, um filme e uma série para entender a influência que a comunicação exerce

A Comunicação Social é a ciência que analisa e compreende a relação do homem com os meios de comunicação presentes no seu dia a dia, e os profissionais graduados nessa área (Jornalismo, Publicidade e Propaganda, Relações Públicas) devem ser capazes de dominar como essa relação se molda, para assim atuarem na sociedade fornecendo serviços e contribuições intelectuais e científicas.

Afim de promover uma melhor percepção de como os meios de comunicação se relacionam e intervém no cotidiano de todos os indivíduos, selecionamos aqui 3 dicas de obras que estão “fora” do contexto acadêmico e que abordam o assunto de forma precisa.

1984

 

 

 

 

 

 

 

1: Livro: 1984 (George Orwell)

1984 aborda uma história que se ambienta em uma realidade fictícia em que um governo totalitário consegue a partir dos meios de comunicação de massa controlar toda e qualquer tipo de informação fornecida a população, e acompanha a jornada de um personagem frustrado que tenta com muita cautela resistir e lutar contra a alienação que o sistema lhe impõe. A maior obra do britânico George Orwell faz uma excelente crítica do quão o ser humano é e pode ser manipulado através daqueles que detêm o poder da comunicação.

3anuncios-crime-destaque

 

2: Filme: Três anúncios para um crime (2017, Martin McDonagh)

Nesse filme que faturou duas estatuetas do Oscar, temos uma mãe como protagonista que está extremamente insatisfeita com o trabalho da polícia em solucionar o caso da morte da sua filha, a partir disso, ela resolve alugar por um ano três outdoors na beira de uma estrada com mensagens intrigantes para inquietar os investigadores e os forçarem a procurar o assassino. Além de ter uma trama interessante e atuações incríveis, o filme faz uma boa reflexão da grande importância do uso dos outdoors para propagar uma mensagem, é um meio extremamente influente e consegue alcançar diversos públicos, visto que mesmo sem querer, você já leu o que está ali escrito.

mad-men-amc

 

3: Série: Mad Men (2007-2015)

Essa premiada série dramática traz como protagonista um dos maiores nomes do cenário publicitário de Nova York por volta da década de 60. Além de ter uma premissa densa e muito bem desenvolvida, Mad Men aborda de forma muito interessante como funcionava a publicidade da época: a ousadia dos profissionais em explorar técnicas de marketing surpreendentes, até mesmo ultrapassando limites éticos e morais, para vender determinado produto.

Por Beatriz Pêgo.

OLA

5 DESENHISTAS QUE MERECEM SEREM VISTOS

  • Nath Araújo – @nanaths

É uma das desenhista mais famosas do Instagram, com seus mais de 300 mil seguidores. Ela merece todo esse sucesso, ao enaltecer a beleza feminina e seus aspectos, ou apenas em retratar pensamentos rotineiros, ela faz isso com muita criatividade e até um certo humor.

  • Raphael Wylde – @raphael.wylde

Com seus desenhos cheios de referências de filmes e séries ele conquista seus seguidores. Além da sua arte ele também posta fotos pessoais, formando um feed todo conceitual.

  • Dressa Amaral – @dressaamaral

A Dressa tem um estilo bem minimalista, geralmente seus desenhos são em preto e branco o com poucas cores, ainda sim, seu talento é inigualável.

  • Alice Mena Barreto – @olhardealice

Letras desenhadas? Também temos nessa lista. A Alice foca em frases de impacto (geralmente em inglês), muito bem esboçadas e ilustradas.

  • Polly Nor – @pollynor

Artes cheias de críticas sociais, com muita cor e traços fora do padrão são as marcas dessa desenhista. A artista londrina faz sucesso pelo mundo todo e esse já é um ótimo motivo para conhecê-la.

Por Lívia Prates.

1080x1620_1516288710

A FORMA DA ÁGUA

blogib_a-forma-da-agua_feat

Melhor filme, melhor diretor, melhor design de produções, melhor trilha sonora, e assim,  (A forma da água), se consagrou como o filme com mais premiações neste domingo (4), no Oscar em L.A.

O filme se passa na década de 1960, no auge da Guerra Fria, com grandes conflitos políticos e transformações sociais, em que a zeladora muda, Elisa (Sally Hawkins), de um laboratório ultrassecreto vive um romance com um ser de espécie diferente, mantida presa no local. Junto ao melhor amigo de Elisa, Giles (Richard Jenkins) e a colega de turno Zelda (Octavia Spencer), forjam um ousado plano de resgate.

Guilherme El Toro (O Labirinto do Fauno, A Colina Escarlate), consagrado com a estatueta de melhor diretor, imprime verdade nas mais absurdas imaginações com este filme. Fã de monstros, foi capaz de criar um roteiro, em que homenageia seu filme de monstro favorito, o clássico, O Monstro da Lagoa Negra (1954).

Dividindo a opinião do público, A Forma da Água, pode ser interpretada como uma metáfora que abrange política e questões sociais, ou um conto de fadas infantil sombrio. Se ficou curioso, vale a pena assistir esta produção incrível, que está em cartaz no Shopping Ibituruna, as 19:00, terças e quartas.

Por Flávia Oliveira.

38107

OSCAR 2018

OSCAR-2018Na tarde do domingo (04/03) a premiação do Oscar 2018, foi repleto de glamour, emoções e escândalos. O tapete vermelho do Oscar 2018, chamou atenção para os looks das atrizes, com diferentes modelos e acessórios deslumbrastes.

Várias atrizes apostaram nos vestidos metalizados como Jennifer Lawrence e Gal Gadot. Assim como vestidos vibrantes, como o rosa de Viola Davis, e o vermelho de Allison Janney que foi a favorita de melhor de atriz coadjuvante entre outros modelos.

Algumas atrizes abandonam “look” preto de protesto contra o assédio em Hollywood, mostrando superação.

 Suspeito de furtar Oscar de francês Mc Dormande é preso. Atriz deixou pós premiação chorando, mas prêmio foi encontrado e devolvido em seguida.

Imigrantes estrangeiros marcam Oscar 2018 e sinalizam “nova era” em Hollywood. A esperada vitória de Guillermo del Toro nas categorias de Melhor Filme e Melhor Direção por A Forma da Água é um dos marcos mais relevantes do Oscar deste ano: os estrangeiros estão com tudo em Hollywood.

Por Giovana Diniz.